quarta-feira, 23 de junho de 2010

Paris tem tudo... Inclusive AC/DC!!!



A primeira impressão de Paris foi horrível. A bem esperta aqui simplesmente não tinha o endereço do hotel. Eu só sabia q era perto de uma estação de metrô chamada Gare Du Nord. E foi pra lá q eu fui! Saí num bairro assustador cheio de indianos! Me senti na Caminho das Índias com aquele monte de sáris (obviamente, sem o Raj). Nada contra indianos, mas simplesmente o oposto da imagem q eu tinha de Paris. Ok... Respirei fundo, liguei o meu sensor anti-pega-panaca (dica mto útil do meu tio Kafunga) e comecei a jogar charme pra taxistas. Parei 5 e NENHUM falava inglês. Pedi pra me deixarem na Rue Darcet... “Não... Não sei! Sorry!” Um me pediu o endereço. “Não preciso do numero, só quero ir na Darcet Street!” Nada...
Respirei fundo de novo e com mta sorte achei uma internet shop e perguntei pro professor Google onde ficava o maldito Darcet. Descobri q tava pertinho e resolvi caminhar... Lá, como combinado, encontrei a Ane e o sorriso fácil dela q me conquistou no primeiro dia de aula na faculdade há 8 anos. Ai, q alívio ver uma cara tão familiar naquela selva!


A gte deixa a Fronteira, mas a Fronteira não deixa a gente!

Depois de um banho demorado e quentinho, partimos pra charmosa Champs-Élysées, q dá direto no Arco do Triunfo. Dele saem inacreditáveis 12 avenidas! Lá, o meu lado pangó se manifestou no almoço. Não tenho definição pra palavra pangó (veio com a Ane direto de São Borja). Mas quem me conhece sabe q sou meio pangozinha... Enfim, no menu eu escolhi um steak tartare, crente q era bife com molho tártaro. Steak eu sabia q era carne, só não sabia q tartare era carne crua! Isso mesmo, comi guizadinho cru! Azar! Tenho comido umas coisas diferentes mesmo... E com a fome q eu tava!



Enfim... Colocamos as fofocas em dia no almoço e partimos pra ela... A famosa Torre Eiffel. Fotos, fotos, fotos e mais fotos. Turistas, turistas, turistas e mais turistas... Filas, filas e mais filas... Até q chegamos no último andar da torre. Tá bom, é lindíssimo! Mas é uma bagunça! Aí fica a dica: se quiserem conhecem a cidade mais visitada do mundo, tenham paciência! Porque, claro, vale a pena... Curiosidade: a torre pesa mais de 10000 toneladas, mas exerce q mesma pressão no chão q uma pessoa sentada numa cadeira!!! Siiiim! Gênio o tal do o engenheiro Gustave Eiffel que, por sinal, tb trabalhou na construção da Estátua da Liberdade em New York, New York. Mais fila pra descer e resolvemos esperar por lá pra ver a Tour de noite. Mais fotos e, quando estávamos indo embora, um francês falou pra esperar mais 9 minutos pq ela ia sparkling! Dito e feito! As 10 da noite a torre começa a brilhar... É simplesmente mágico! As pangós babaram sentadas na grama!







Até tô duvidando se o cara era francês. Achei o povo mto mal-educado. Eu já tinha ouvido falar q eles não gostam de falar inglês, mas se tu trabalha num hotel ou um restaurante na capital da França, tu é OBRIGADO a falar inglês. Eles até sabem, mas não fazem questão... Os garçons insistiam em falar com a gte em francês. Ridículo!!! No hotel a maioria dos recepcionistas tinha um inglês de índio! E quando falavam, eram rudes... Acho q mal acostumei com o inglês super-polite dos irlandeses...

Mas tudo bem... Depois de janta e vinho, fomos direto pro hotel e capotamos! Só no segundo dia começou a cair a ficha e eu disse pra Ane: agora tô sentindo q tô mesmo em Paris! E a ficha caiu, curiosamente, não na Torre Eiffel, mas na frente do Louvre. Meeeu Deus! Eu fiquei parada olhando praquilo e pensando: what is that?! É ridiculamente enoooorme! É preciso DIAS pra ver tudo! Nós quase q literalmente corremos pelo museu e conseguimos passar por todas as alas e andares em 3 horas. Direto, é claro, na Monalisa. 587562835 chineses com suas câmeras e não se pode nem chegar perto! Uma bagunça, mas... É La Gioconda! E, sim... Ela tava olhando pra mim...


La Ane e Le Louvre!


Quem vale mais???

Mas o mais legal do Louvre não é ela, ou a Vênus de Milo, ou o Escriba Sentado... É descer uma escada e passar por mais de 8 mil anos de história! Cada andar parece um lugar completamente diferente. Tu tá vendo esculturas, daqui a pouco tá no meio de pirâmides, depois tá no Egito e logo ali chega nos aposentos do Seu Napoleão. Unbelievable!


Rica jantinha dava pra fazer...


A pirâmide invertida do Professor Langdon!

Chique no úrtimo tb foi o meu legítimo crepe francês no Jardim de Tuileries, antes do próximo museu: o D’Orsay. Bem menor q o Louvre, mas lá estão os impressionistas e pós-impressionistas Monet, Manet, Renoir, Degas, Toulouse-Lautrec e o meu cada vez mais favorito Van Gogh! Repito: olhar pinturas num slide em uma sala da Unifra as 10 da noite de uma sexta-feira (ou até mesmo no Google) não tem graça nenhuma. Olhar uma tela do século XIX, com tanta força nas cores q parece q foi pintada ontem, não tem explicação! Nem preço, já q é de graça pra cidadãos europeus e residentes da Europa com até 25 anos...


D'Orsay ao fundo...

Mas como Paris não é só cultura, certo q teve passeio nas Galerias Lafayette e fotos nas vitrines de Dior, Channel, Louis Vuitton, Prada, e Cia Ltda. Eu só pensava no Guegue no meio de todos aqueles perfumes e maquiagens! Pra encerrar a noite, um romântico passeio de barco pelo Rio Sena...



No terceiro dia teve caminhada em Montmartre. Pra vcs terem uma idéia, a casa do Van Gogh e um cabaré onde o Picasso costumava trocar quadros por comida (!!!) estão lá... Além, é claro, da Basílica de Sacré Coeur (ainda mais bonita q a Catedral de Notre Dame) e o Moulin Rouge!


Te cuida, Nicole Kidman!


Dá pra ver toooda Paris lá de cima!

Adooooro, mas... Era hora de ir pro show! Sensor ligado mais uma vez pra não me perder no metrô (repito de novo: assustador. Uma cidade embaixo de uma cidade...), chego no Estade de France com alguns milhares de velhos chorões vestindo tiaras de guampinhas com ACDC escrito. Mto legal! O show em si poderia ter sido melhor.... Faltaram algumas músicas q eu tava esperando, como Jailbreak e It's a Long Way to the Top... Mas só o Angus Young é um show a parte! Divertidíssimo! Telões e efeitos especiais também... Não tem como ser ruim! Agora... Melhor q o Paul McCartney... Nem Mick Jagger, nem Rod Stewart, nem Brian Johnson... Ele tá velho também... Todo enrugado! Mas a voz dele ainda tá perfeita! E ele parecia tão feliz! Eu não sabia se chorava, ria, tirava foto, cantava ou me mijava... Fui sozinhas nos 2 shows.... Mas não me senti sozinha. Não tem como, sabendo q aquelas milhares de pessoas estão ali pelo mesmo motivo. Crianças, mulheres, gays... Todos cantando as mesmas palavras q tu! Foram as 3 horas mais rápidas da minha vida!


For those about to rock... We salute you!


Angus Young... Nem tão young assim, but he shook us all night long!

Então... De volta à Irlanda... Adorei ouvir inglês por todo o lado de novo. Confesso q me senti bem voltando “pra casa”. Pelo menos pra minha casa temporária. Agora é planejar a próxima viagem! Julho e agosto... Não sei! Mas em setembro tem Escovarzinhos na Europa! Siiiim! Eu consegui! E é certo q eles vão tem q passar por Paris... Daí talvez Paris vai ter tudo... Ou quase tudo! ;)


Notre Dame


Jardim de Luxemburgo

12 comentários:

  1. Hahaha, dei mta risada na hora que vc comeu guizado cru! Prato típico em Blumenau! Me deu até agua na boca agora! Já era impressionante a arrogancia dos franceses, agora deu pra perceber mesmo que eles se acham a ultima bolacha do pacote! Bjus parabens pelo blog!

    ResponderExcluir
  2. Oi Dine!!
    Teu blog é mto bom!!
    Adoro acompanhar tuas aventuras e as vezes "desventuras", que fazem parte, pelo menos pra ter história pra contar né?
    Tudo de bom aí!
    Bjão!

    ResponderExcluir
  3. Perfeito Dine! Mais um vez: show! Confesso que algumas coisas já sabia do blog da Ane. É! Agora tenho mais uma pra xeretar! E por pouco tu não paga no Louvre hein? hehehe...
    Bjo amiga, até a próxima!

    ResponderExcluir
  4. Ahahahah!! Essa é minha prima! Igualzinha a mim, só muuuuito mais nova! Também odeio os franceses de Paris! Especialmente os de Paris! Grossos, mal-educados, de mal com o mundo que, óbviamente, não gira em torno de Paris. Foi a capital da Europa que encontrei mais gente ignorante. E ainda sofremos achando que o "gaúcho" é que é grosso!!
    De resto, tudo lindo. Os museus, a Champs-Èlisées, Sacré Coeur, etc, etc. Paris é linda! Tirando os parisienses.
    É isso prima!!! Vai fundo!! Tem muita coisa boa ainda te esperando por aí.
    Tenho muito orgulho de ti.
    Bjos com saudades!

    ResponderExcluir
  5. To loooooooooooouca pra falar contigo!!!!!! Já ia vir aqui te xingar... esse blog tava muito as moscas! Mas já te perdoo! Espero ansiosamente te encontrar no msn! Beeeeeeeeijos

    ResponderExcluir
  6. Oi amorzinho ja estava com saudades do blog. Ainda bem que tudo ja passou pq eu iria ficar muiiito preocupada com estas aventuras tuas sozinha p esse mundo. Como viajas p Paris sem ter o endereço do hotel filha!!!Tu és muito corajosa mesmo, mas tudo bem ja passou e graças a Deus deu tudo certo. Pois é parece que vamos mesmo , semana que vem vamos a Uruguaiana fazer o passaporte ja que o nosso tem so uns 12 anos, noa vale mais. Vai fazendo nosso roteiro é claro que quero conhecer Paris,mas que gente arrogante, bem feito que sairam da copa he,he,he. bjos filha

    ResponderExcluir
  7. eita coisa boa....que massa hein...eu to aqui toda empolgada pq já comprei meu ticket pra paris no final de julho, 5 dias na cidade luz....e vou sozinha!!! ahhhh, to com medo, enfim, justamente por nuam falar uma puta palavra em francês, mas vou ter que me virar, já estou estudando alguns mapas pois naum quero me perder neh!!!
    Lindas as fotos guria e os shows devem ter sido amazing!!!
    bjusss

    ResponderExcluir
  8. Mocre, me senti dentro de um livro do Dan Brown.. sério, esse Louvre deve ser amazing! Qto qm vale mais? Acho que tu nem precisa dessa responta, tá cansada de saber.. antes La Gioconda tivesse uma carinha como a tua! hehehhe
    Tava com saudades das tuas palavras... e de ti, é claro!! bjãooo

    ResponderExcluir
  9. Como de costume, adorei tua descrição de Páris, as fotos estão lindas Dine, e desta vez são várias onde tu aparece, teve que a Ane estar ai pra que isso acontecesse!! Que bom que ela está ai contigo! Esse mundo da voltas mesmo, qd que tu imaginou que fosse comer carne crua??? Bem, pra quem come pastel recheado c arroz, até que comer carne crua n é tão diferente! haha.Dos lugares que tu foste o que eu mais gostaria de ir é o Louvre, muito lindo, maravilhoso! To torcendo pra que a Clarissa vá c os Escovarzinhos em setembro, é uma oportunidade única. Saudades de ti lindinha,Bjos

    ResponderExcluir
  10. Como assim "voltando pra casa"? É home ou não é? :P

    E, pô, que viagem animal! Em poucos meses estarei lá tmabém, dando uns chutes na bunda desses franceses viados que não gostam de falar inglês.

    Ah, inveja gigantesca do show do ACDC. Espero MESMO que não seja a última turnê. É um dos meus sonhos.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  11. Puuutz! Não sou cidadão europeu nem menor de 25 anos!!! Vou ter que pagar! :-(
    Meu Deus... é mto lugar pra ver em Paris! 4 dias no mínimo!!!
    Abraço!!

    ResponderExcluir
  12. AC/DC in Paris... that's what I'm talking about... hehe.
    Fiquei muito feliz por ti. Te cuida por aí... and enjoy it!
    Bjo!

    LAU

    ResponderExcluir